Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de uma Caçadora

Diário de uma Caçadora

Caçadores doam 1175€ para restauração de igreja

E de sorriso na cara e com o coração apertadinho, venho contar-vos o que aconteceu no passado domingo, no Cadaval, quando um grupo de caçadores se juntou para ajudar a Paróquia de Lamas, na reconstrução da igreja de S. Tomé.

 

DSCF0135_800x600.jpg

 

Como disse e volto a repetir, para se fazerem ações deste género é preciso ter um coração gigante e ser uma pessoa muito solidária. Não é porque A ou B nos pediu; não é porque devemos fazê-lo para dar boa imagem; é sim porque temos a disponibilidade emocional para isso. Portanto, João Pereira, isto aconteceu por ti! Por ti e pelas pessoas que tens à tua volta, como o Carlos Guilherme, que tanto te ajudou.
 
Foram com esta iniciativa para a frente, organizando uma Prova de Santo Huberto, e conseguiram juntar 30 conjuntos, dada a hipótese de se inscreverem dois cães. De Norte a Sul, vieram pessoas para ajudar e para dizer que juntos somos mais fortes.
 
As provas decorreram dentro da normalidade, exceto a chuva que se fez sentir. Os terrenos eram típicos do oeste, e já conhecidos de muita gente. Para além dos presentes (concorrentes, juízes e postores), havia muito publico que quis assistir e que nos fez companhia durante a manhã.
 
Tive 10 concorrentes na minha série e, apesar de algumas dificuldades sentidas, creio que todos se conseguiram divertir um pouco, sendo esse também um dos objetivos desta modalidade. Tenho também de agradecer ao Zé pela ajuda na colocação das perdizes, que me dá um descanso absoluto.
 

29388514_1616809031770510_154271792143060288_n.jpg

 

No final, os dois melhores de cada série disputaram a barrage, julgada por mim e pela Paula (4ºs, 5ºs e 6ºs) e pelo Manuel Brás (1ºs, 2ºs e 3ºs).
 
E ficou assim ordenado:
 
1 - Carlos Guilherme, BAM
2 - Rui Bonito, BFF
3 - Luís Delagado, BAM
4 - Valter Ferreira, BAM
5 - Paulo Fernandes, PPF
6 - David Faria, BAF
 
Troféu melhor cão: Ibiza da Maralha, de David Faria
 
 
Fomos para o almoço, no pavilhão do Cadaval, onde havia muitas pessoas que quiseram ir também ajudar na reconstrução da igreja. Foi-nos servida uma canja maravilhosa, e um galo com arroz e batatas. As sobremesas também não ficaram atrás. Convívio, animação e boa disposição, com música e muitas danças.
 

IMG_20180318_164517.jpg

 

Depois foi altura de entregar os prémios e dos discursos que deixam sempre qualquer um com uma lágrima no canto do olho.

 

IMG_20180318_171556.jpg

 

Conseguimos, ao todo, angariar 1175€ para dar ao Sr. Padre, da Paróquia de Lamas, para a reconstrução da igreja.

 

IMG_5333-R.jpg

 

OBRIGADA! 

Uso esta palavra tão pequenina vezes em demasia mas, sinceramente, não há outra coisa que me ocorra, neste momento e principalmente depois de ver a cara de felicidade do Sr. Padre e de todas as pessoas que irão usufruir de uma igreja com melhores condições.

OBRIGADA a todos vocês Caçadores, por serem amantes desta arte que consegue ser tão solidária e fazer diferença na vida de tantas pessoas. 

E apesar de todas as diferenças que possam existir, desentendimentos e dias menos bons; conseguimos sempre perceber que o mais importante é sermos puros e fazermos o que melhor sabemos, sermos nós próprios, vencendo ou perdendo...

ML.

 
 

 

1 comentário

Comentar post