Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário de uma Caçadora

Diário de uma Caçadora

Crónicas de Opinião - Animais Abandonados!

A minha melhor amiga nada tem a ver com caça. Aliás, nem gosta muito disso... De caça! Diz que se não fosse eu, teria uma visão diferente. "Se as pessoas te conhecessem bem, ninguém poderia ser contra a caça. Nunca vi ninguém gostar tanto de animais como tu". Diz-me isto constantemente... E ela é das pessoas que melhor me conhece!

Esta minha melhor amiga também gosta de escrever. Até tem uma página em que vai escrevendo umas coisas (muito giras)... Tem sentido de humor e adoro ler tudo o que escreve! Ontem não foi exceção... E ainda para mais o tema é tão pertinente para mim, para nós!

Por esse motivo, decidi partilhar convosco esta crónica da minha grande amiga "Turika". 

 

"ANIMAIS ABANDONADOS

Olá! Sentiram-se como animais abandonados ao longo destes meses de ausência? Acredito que sim! Desculpem... Espero que não tenham "ficado" com IRA, assim ao estilo brasileiro... "ficado", perceberam? Está a ser demasiado...Eu sei! Desculpem...mais uma vez.

Os animais abandonados são a nova cavalgada da sociedade. A nova, que não é assim tão nova, mas que é relativamente recente. Eu adoro animais...atenção. Antes que me comecem a agredir verbalmente, a partilhar este post nas páginas das centenas de associações de resgate de animaizinhos e etc...Tenho uma gata, linda, que se chama Chanel. Uma tartaruga, não tão linda, que se chama Lili. Amo todos os cães que encontro na rua, sejam vadios ou vaidosos, amo pássaros, peixes e todas as coisinhas fofas que se mexem. Não gosto de répteis...desculpem lá...se pudesse - e não fosse estúpido - acabava com os répteis. Mas não dá, eu sei...

18814149_10211323678580222_7381119376140461504_n.j

Quanto aos cães e gatos abandonados: Alguém já reparou que, nos dias que correm, um gato que saiu de casa para dar uma voltinha, já é um gato abandonado? Estes senhores das associações sabem que há gatos que vão passear, mas têm casas e pessoas que lhes dão comida? A Chanel não dá voltinhas porque é um bocado passada da cabeça e temos medo que ela não volte. É um bocado aquilo que os meus pais sentem de cada vez que saio de casa...

E os cães ... se não tiverem uma coleira linda de morrer, o pelo mais brilhante que o meu cabelo - lavado todos os dias -, e um chip enfiado na pele, também já são abandonados, não é? No fundo, deixámos de permitir que os cães e os gatos sejam um bocadinho selvagens e livres. O que, supostamente, devia ser permitido aos animais, não?

Eu, por exemplo, adorava deixar a Lili ir dar uma volta de vez em quando. A cena é que ela nem devia estar naquele aquário, em casa...mas eu achei que era melhor para ela, do que estar num aquário, cheio de amigas, no El Corte Inglés. Não que o El Corte Inglés não seja um sítio bom...é fresco, tem tudo o que se possa imaginar comprar, e ainda dá para ir a uma sala de cinema onde o ecrã é grande e dá gosto ver filmes. Não me espanta que a Lili fosse ver o "Linhas de Sangue", por exemplo. Mas acredito que o som dos pássaros, todas as manhãs, também a faça feliz.

Quanto aos cães, e aos gatos, eu gosto muito que sejam bem tratados. Mas estarem na rua, não quer necessariamente dizer que estão a ser mal tratados. Tenho vários gatos, à porta de casa, que o meu vizinho deixa andar livremente. Todos lhes damos comida, eles são felizes, e estão soltos. Não estão abandonados. Espero que não passem lá um dia para os levar...

(um dia foram lá e levaram as gatas para esterilizar, sem que ninguém tivesse pedido nada...No final, foram pedir para sermos padrinhos! Imaginam a resposta, não!?)

Os animais são animais. Não são pessoas...Apesar da Chanel ser a minha "mana" e a filha preferida da minha mãe".

 

Obrigada "Turika", que grande verdade!